Claro TV Mogi das Cruzes, Suzano, Itaqua, Poa, Ferraz, Aruja, São Paulo

terça-feira, 29 de julho de 2014

Nova série Terra de Ninguém mostra homens que vivem isolados em regiões inóspitas e selvagens dos Estados Unidos


O vasto deserto do sudoeste americano é diferente de qualquer outro daquele país, e é o principal cenário da nova série do HISTORY, Terra de Ninguém.

E, para sobreviver ao isolamento do deserto, suportar o calor e o tempo instável que invade toda a paisagem, é preciso ser especial. Jason Hawk é um dos poucos com a criatividade e as habilidades de sobrevivência necessárias para fazê-lo.

Continuando as tradições transmitidas por gerações, Hawk construiu sua vida com os recursos escassos daquela terra árida. Com ferramentas e máquinas simples, ele caça coiotes, cobras e sapos para suas refeições, e se defende de bandidos e traficantes de drogas que rondam as fronteiras durante a noite. É um modo de vida difícil e perigoso, mas, para Jason e outros como ele, esse risco tem uma recompensa: a liberdade total para viver verdadeiramente do jeito que quer.

No episódio de estreia, Adaptar ou Morrer, em 4/8, segunda-feira, às 22h, Hawk vê sinais preocupantes de que invasores estão cruzando suas terras. A quilômetros de distância da delegacia de polícia mais próxima ele é forçado a se defender, improvisando um sistema de vigilância.

Em Red Rock Canyon, no sul do estado de Utah, o geólogo David Holladay inicia uma longa caminhada nas paisagens remotas da região, em busca de pedras raras para sustentar sua grande família. Mas uma mudança no terreno o leva a tomar uma decisão perigosa e que pode lhe custar caro. No deserto de Chihuahua, no sudoeste do Texas, o caubói Howdy Fowler tenta manter seu estilo de vida e caçar um boi valioso, apesar de já não ser tão jovem, das altas temperaturas e de uma clientela cada vez menor.

Informe:

Adquira já o seu Claro Combo pelo fone 11-3522-3393.
Vendas para todo o Brasil. Instalação Grátis

Para Netcombo ou Combo Multi Net ligue também 11-3522-3393 - opção 4

Nenhum comentário:

Postar um comentário